Central de Atendimento (11) 3580-1000

Notícias

Ação concentrada de fiscalização em Tupã, Pompéia, Oriente e região

  • 29 de setembro de 2023

CRT-SP fiscaliza e orienta mais de 60 empresas no centro-oeste paulista, e também síndicos de condomínios residenciais

CRT-SP mapeia e fiscaliza empresas e condomínios no interior do estado

No período de 25 a 29 de setembro de 2023, o Conselho Regional dos Técnicos Industriais do Estado de São Paulo (CRT-SP) realizou mais uma ação concentrada de fiscalização orientativa no interior; dessa vez, o foco foram Tupã, Pompéia e Oriente, municípios do centro-oeste paulista. Organizada pelo Escritório Regional de Bauru, que antecipadamente realizou um mapeamento das empresas da região, a ação contou com a participação de cinco fiscais: Sidiney Santos Carvalho, Marcos Henrique Ribeiro de Oliveira – chefes de escritórios descentralizados, respectivamente em Bauru e Americana –, Uira Gama Silva Mota, Ezequiel Batista da Silva Luz e Rodrigo Brandão Souza. Eles visitaram 62 empresas e dez condomínios residenciais, onde também divulgaram o Manual do Síndico, cartilha elaborada com o objetivo de orientar os síndicos quanto à contratação de profissionais técnicos, devidamente habilitados e registrados, para serviços gerais em condomínios residenciais e comerciais de acordo com as atribuições, por modalidades, esclarecidas por resoluções do Conselho Federal dos Técnicos Industriais (CFT).

Bruno Zamai (à direita): “Recebemos um fiscal educado, paciente, disposto a ouvir e entender nosso contexto, para depois nos direcionar e agregar soluções à nossa gestão”

Entre as empresas visitadas, destaque para a Máquinas Agrícolas Jacto S.A, em Pompéia, voltada para produtos e tecnologia à agricultura presente em mais de 100 países, e com amplo corpo técnico no quadro de funcionários. Também em Pompéia, Bruno Zamai montou a própria empresa de fabricação de peças agrícolas – Union New Agro – e é convicto ao afirmar que a visita dos fiscais foi uma agradável surpresa. “Diferente de abordagens que presenciei de outros conselhos de classe em empresas que tive oportunidade de trabalhar, a fiscalização do CRT-SP na Union New Agro foi, em primeiro lugar, flexível e agradável, pois ao invés de recebermos um representante da instituição com o objetivo de encontrar falhas e punir a empresa, como normalmente se espera nessas situações, recebemos um fiscal educado, paciente, disposto a ouvir e entender nosso contexto, para depois nos direcionar e agregar soluções à nossa gestão”, relata. Ele também destaca que é um privilégio agregar o CRT-SP como parceiro para o desenvolvimento da empresa e de seus profissionais.

Fiscais do CRT-SP em ação no interior do estado: fiscalização orientativa em defesa da sociedade

Orientação em condomínio – Supervisor de fiscalização, Rodrigo Brandão Souza esteve no Condomínio Residencial dos Jequitibás, onde foi recebido pela subsíndica que, apesar de ainda não estar familiarizada com o trabalho orientativo do CRT-SP, tem noção da importância da contratação de profissionais habilitados para realização dos serviços em condomínios. “Enquanto eu a orientava sobre a exigência da emissão do Termo de Responsabilidade Técnica (TRT), documento que reforça a responsabilidade civil e criminal pelos serviços praticados, chegou ao local um responsável técnico questionando se iria ser fiscalizado até ser informado que o foco da fiscalização era orientar os síndicos sobre a contratação de profissionais técnicos habilitados, para a segurança dos próprios condôminos. Então, ele elogiou muito a ação e disse já ter dado baixa do registro no antigo conselho para se registrar no CRT-SP”, relata Rodrigo Brandão Souza. Enfim, o profissional técnico mostrou-se extremamente satisfeito por estar trabalhando de maneira regulamentada; e a subsíndica, feliz, por zelar pela segurança e bem-estar dos moradores.

Fiscalização orientativa em condomínio na cidade de Tupã, com responsável técnico legalmente habilitado para os serviços

Vale lembrar que a Resolução CFT nº 190, de 21 de junho de 2022, aprova o Plano Nacional de Fiscalização Integrada (PNFI) do Sistema CFT/CRT e determina, no artigo 27, que os “regionais executarão o PNFI 2023/2027 por meio de: ações de fiscalização concentrada em locais e/ou atividades definidas no planejamento estratégico” – inciso VI.

Texto: JD Morbidelli

 

Últimas notícias

CRT-SP: 58ª Sessão Plenária Ordinária

Destaque para a aprovação da Prestação de Contas Contábil com Análise do Balancete de Dezembro e do Exercício 2023, e da Prestação de Contas na…
Ler mais...

Curso de Especialização em Segurança contra Incêndio para Técnicos

Inscrições a partir de 27 de fevereiro de 2024 até completarem as 80 vagas disponíveis (mais…)
Ler mais...

Café com Síndico: “O Evento do Síndico Conectado”

Com direito à palestra institucional ministrada pelo diretor administrativo, CRT-SP participa de mais uma edição do Café com Síndico, em São Carlos (mais…)
Ler mais...

Ação concentrada de fiscalização em Tupã, Pompéia, Oriente e região

  • 29 de setembro de 2023

CRT-SP fiscaliza e orienta mais de 60 empresas no centro-oeste paulista, e também síndicos de condomínios residenciais

CRT-SP mapeia e fiscaliza empresas e condomínios no interior do estado

No período de 25 a 29 de setembro de 2023, o Conselho Regional dos Técnicos Industriais do Estado de São Paulo (CRT-SP) realizou mais uma ação concentrada de fiscalização orientativa no interior; dessa vez, o foco foram Tupã, Pompéia e Oriente, municípios do centro-oeste paulista. Organizada pelo Escritório Regional de Bauru, que antecipadamente realizou um mapeamento das empresas da região, a ação contou com a participação de cinco fiscais: Sidiney Santos Carvalho, Marcos Henrique Ribeiro de Oliveira – chefes de escritórios descentralizados, respectivamente em Bauru e Americana –, Uira Gama Silva Mota, Ezequiel Batista da Silva Luz e Rodrigo Brandão Souza. Eles visitaram 62 empresas e dez condomínios residenciais, onde também divulgaram o Manual do Síndico, cartilha elaborada com o objetivo de orientar os síndicos quanto à contratação de profissionais técnicos, devidamente habilitados e registrados, para serviços gerais em condomínios residenciais e comerciais de acordo com as atribuições, por modalidades, esclarecidas por resoluções do Conselho Federal dos Técnicos Industriais (CFT).

Bruno Zamai (à direita): “Recebemos um fiscal educado, paciente, disposto a ouvir e entender nosso contexto, para depois nos direcionar e agregar soluções à nossa gestão”

Entre as empresas visitadas, destaque para a Máquinas Agrícolas Jacto S.A, em Pompéia, voltada para produtos e tecnologia à agricultura presente em mais de 100 países, e com amplo corpo técnico no quadro de funcionários. Também em Pompéia, Bruno Zamai montou a própria empresa de fabricação de peças agrícolas – Union New Agro – e é convicto ao afirmar que a visita dos fiscais foi uma agradável surpresa. “Diferente de abordagens que presenciei de outros conselhos de classe em empresas que tive oportunidade de trabalhar, a fiscalização do CRT-SP na Union New Agro foi, em primeiro lugar, flexível e agradável, pois ao invés de recebermos um representante da instituição com o objetivo de encontrar falhas e punir a empresa, como normalmente se espera nessas situações, recebemos um fiscal educado, paciente, disposto a ouvir e entender nosso contexto, para depois nos direcionar e agregar soluções à nossa gestão”, relata. Ele também destaca que é um privilégio agregar o CRT-SP como parceiro para o desenvolvimento da empresa e de seus profissionais.

Fiscais do CRT-SP em ação no interior do estado: fiscalização orientativa em defesa da sociedade

Orientação em condomínio – Supervisor de fiscalização, Rodrigo Brandão Souza esteve no Condomínio Residencial dos Jequitibás, onde foi recebido pela subsíndica que, apesar de ainda não estar familiarizada com o trabalho orientativo do CRT-SP, tem noção da importância da contratação de profissionais habilitados para realização dos serviços em condomínios. “Enquanto eu a orientava sobre a exigência da emissão do Termo de Responsabilidade Técnica (TRT), documento que reforça a responsabilidade civil e criminal pelos serviços praticados, chegou ao local um responsável técnico questionando se iria ser fiscalizado até ser informado que o foco da fiscalização era orientar os síndicos sobre a contratação de profissionais técnicos habilitados, para a segurança dos próprios condôminos. Então, ele elogiou muito a ação e disse já ter dado baixa do registro no antigo conselho para se registrar no CRT-SP”, relata Rodrigo Brandão Souza. Enfim, o profissional técnico mostrou-se extremamente satisfeito por estar trabalhando de maneira regulamentada; e a subsíndica, feliz, por zelar pela segurança e bem-estar dos moradores.

Fiscalização orientativa em condomínio na cidade de Tupã, com responsável técnico legalmente habilitado para os serviços

Vale lembrar que a Resolução CFT nº 190, de 21 de junho de 2022, aprova o Plano Nacional de Fiscalização Integrada (PNFI) do Sistema CFT/CRT e determina, no artigo 27, que os “regionais executarão o PNFI 2023/2027 por meio de: ações de fiscalização concentrada em locais e/ou atividades definidas no planejamento estratégico” – inciso VI.

Texto: JD Morbidelli

 

Últimas notícias

CRT-SP: 58ª Sessão Plenária Ordinária

Destaque para a aprovação da Prestação de Contas Contábil com Análise do Balancete de Dezembro e do Exercício 2023, e da Prestação de Contas na…
Ler mais...

Curso de Especialização em Segurança contra Incêndio para Técnicos

Inscrições a partir de 27 de fevereiro de 2024 até completarem as 80 vagas disponíveis (mais…)
Ler mais...

Café com Síndico: “O Evento do Síndico Conectado”

Com direito à palestra institucional ministrada pelo diretor administrativo, CRT-SP participa de mais uma edição do Café com Síndico, em São Carlos (mais…)
Ler mais...